São Miguel dos Campos - Alagoas

São Miguel dos Campos Inova no atendimento ao usuário do PAIF e serve de referência para o MDS

Assistência 29/08/2017

imagem Com um olhar sensível à realidade dos nossos usuários, o Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias – PAIF, principal serviço socioassistencial dos Centros de referência de Assistência Social – CRAS do município de São Miguel dos Campos, despertou a atenção do governo federal ao trabalhar através de uma metodologia pautada na organização do atendimento ao usuário da política de Assistência Social.

É ofertada à equipe do PAIF/CRAS um kit de instrumentos técnicos que proporcionam a realização de um acompanhamento integral às famílias, possibilitando, dessa forma, a inclusão destas famílias em todas políticas públicas do município, não compreendendo o usuário apenas sob a ótica da Assistência Social, mas no contexto da saúde, educação, habitação, dentre outras políticas.

O Procedimento Operacional Padrão – POP, idealizado e elaborado pela Assistência Social e Coordenadora Técnica do CRAS Rita Mendonça, é um instrumento que serve como base para um atendimento de qualidade as famílias. Nele é colocado o passo a passo que a equipe, desde a recepção, deve fazer para dar acolhida ao cidadão, tão fragilizado pela sua trajetória de vida, enquanto sujeito de direitos. O POP é interativo, pois mescla uma diversidade de informações e proporciona ao final de cada mês a consolidação do atendimento, de forma que haja a visualização do perfil social das famílias.

Segundo a Assistente Social Rita Mendonça, “o atendimento é integrado as informações fornecidas pelas famílias ao CadÚnico, utilizando-se o Prontuário Eletrônico Simplificado – PES, e nessa empreitada temos como parceiros integrados o CadÚnico/PBF e a Educação. A mesma complementa que “o principal desafio é fazer com que todas as equipes que atuam no serviço pública compartilhe de nossa ideia, do atendimento integralizado, da realização do diálogo entre os pares de forma constante, concebendo o diálogo como forma de unir forças tendo em vista a qualidade de vida de nossa

Trabalhar sob a ótica e perspectiva intersetorial é uma das metas da Assistência Social porque a família é concebida em suas múltiplas dimensões, física, mental e cognitiva. A família é o centro das atenções e principal destinatária dos serviços socioassistenciais, especialmente aquelas em situação de vulnerabilidade social.

Na foto, a equipe do Ministério do Desenvolvimento Social.

 

Confira as fotos do evento

imagem
São Miguel dos Campos - Alagoas